english-post* * *

boutofbooks17
Participant: jen7waters
My sign-up post
 

You guys, the Bout is on!

confeti

Let’s do this.

Goals

  • Read every day
  • Participate in all the challenges
  • Interact with fellow readathoners
  • Finish Fire and Hemlock by Diana Wynne Jones

fire-and-hemlock

I know, I know, it sounds easy to finish just one book, but I don’t plan on having a lot of free time to read this week and this book is long, so it will be a challenge for me to finish it.

Updates

Day 1 | Aug 22

Reading progress: read 30 pages

Challenge: Book to Movie hosted by Writing My Own Fairy Tale

It’s super easy. All I need you to do is share with us your favorite book-to-movie adaptation and your least favorite book-to-movie adaptation. You can give reasons for your answers or just names, it’s really up to you how much you share.

This is so my kind of challenge because I looove book to movie adaptations and my favorite one is…

…PRIDE AND PREJUDICE 2005!

Film directors should just stop trying because there will never be a most perfect movie, just like Darcy coming out of the fog will forever be the sexiest most ovary shattering scene in movie history. Oh Mr.Darcy…

mr-darcy-1

Now, my least favorite book to movie adaptation:

Yikes. It’s really no surprise that the PJO movies are BAD, especially if you’re a fan of the books like I am. My main complain is that the story is all over the place. I’m not sure how they accomplished such feat but Sea of Monsters is even worse.

Day 2 | Aug 23

Reading progress: Read 5 pages today ;_;

Challenge: The Nickster hosted by Bout of Books

Pick out 10-15 books from your shelf, from your local library, or from a local bookstore. They can be any genre, any language, and any length. In each book, flip to a random page and pick the 1st word (articles such as “the”, “and”, “an”, “or”, etc. don’t count as the 1st word). Use all these 1st words to try to create an actual sentence. If the books are in different languages, feel free to translate them to all one language or leave them as they are! also, you can add in some articles, such as “the”, “and”, “an”, “or”, etc., if you want to make the sentence flow better. 

Here goes:

  1. Walked (Pride and Prejudice)
  2. Giant (Fire and Hemlock)
  3. Gloriously (The Hidden Oracle)
  4. Home (Daughter of the Forest)
  5. Fair (Deerskin)
  6. Cold (The Forgotten Beasts of Eld)
  7. Mildly (Fangirl)
  8. Now (Catching Fire)
  9. Feral (Magic Bleeds)
  10. So (Easy)
  11. Only (Just One Day)

And so the giant walked home, looking cold but gloriously fair and only mildly feral now.


love-lies-spies

Autor: Cindy Anstey
Editora: Swoon Reads
Publicado: Abril, 2016 
Formato: Paperback
Páginas: 368
ISBN: 9781250084033
Idioma: Inglês

Sinopse: Juliana Telford is not your average nineteenth-century young lady. She’s much more interested in researching ladybugs than marriage, fashionable dresses, or dances. So when her father sends her to London for a season, she’s determined not to form any attachments. Instead, she plans to secretly publish their research.

Spencer Northam is not the average young gentleman of leisure he appears. He is actually a spy for the War Office, and is more focused on acing his first mission than meeting eligible ladies. Fortunately, Juliana feels the same, and they agree to pretend to fall for each other. Spencer can finally focus, until he is tasked with observing Juliana’s traveling companions… and Juliana herself.

add to goodreads

Opinião:

Ah, tenho tanta pena mas este não foi bem o que eu estava à espera. O título e a sinopse fizeram-me pensar que tinha aqui uma espécie de A Spy in the House, but nooope.

A parte do “Love” até que foi fofinha mas não passou disso, com o romance a ser muito light e a ter praticamente zero obstáculos e conflitos pela frente. Isto para mim tem uma parte positiva e outra negativa, positiva porque foi tão bom não ter que lidar com mal-entendidos parvos sem fim e com toda a angústia que eles trazem atrelada, mas por outro lado parece que não se passou nada interessante entre o casal.

A Juliana e o Spencer passam o livro todo a sorrir um para o outro, a encontrarem-se aqui e ali, a trocar elogios, eles que são tão semelhantes em quase todos os sentidos—vêm de boas familias, têm fortunas/casas/terrenos, são ambos livres e desimpedidos, não sofrem de daddy ou mommy issues, aliás, a Juliana até tem um pai super liberal para a época e que só a quer ver feliz, e portanto, não existe nada, excepto a vontade dos dois, que os possa impedir de ficar juntos. Vou-me repetir mas realmente nada disto foi mau, só que também nada foi espetacular—assim como comer pão com pão em vez de uma sandocha bem recheada a gosto.

Ponto super positivo: no love triangle.

A parte das “Lies” no que toca aos dois protagonistas é uma coisa muito inofensiva sem importância alguma; e a parte dos “Spies” foi a maior desilusão para mim, porque, mais uma vez, não se passa nada de especial, basicamente o Spencer fica especado a observar uma residência durante horas, à espera de ver algo suspeito acontecer, ou faz o sacrifício de ir ao teatro observar quem faz o quê, ou aparece num baile para controlar quem fala com quem, e yep, é isso. *Só* isso. Não há uma perseguição emocionante, uma missão impossível, um mistério arrebatador, ou sequer um traidor surpreendente. Bolas, nem sequer há um clímax ligado a este lado da espionagem.

Tenho realmente pena, porque até achei alguma graça à Juliana e ao Spencer e no final de contas não odiei nada acerca deste Love, Lies and Spies, mas também não amei coisa alguma, e pela altura em que escrevo esta opinião já me esqueci de prai uns 70% dos acontecimentos deste livro porque de facto ele não me contou nada que o tornasse memorável. Meh.

2stars

ENGoodreadsThe Book Depository

when-a-scot-ties-the-knotEm português: A Prometida do Capitão
Autor: Tessa Dare
Série: Castles Ever After, #3
Editora: Avon Books
Publicado: Agosto, 2016 
Formato: Paperback
Páginas: 384
ISBN: 9780062349026
Idioma: Inglês

Sinopse: On the cusp of her first London season, Miss Madeline Gracechurch was shyly pretty and talented with a drawing pencil, but hopelessly awkward with gentlemen. She was certain to be a dismal failure on the London marriage mart. So Maddie did what generations of shy, awkward young ladies have done: she invented a sweetheart.
A Scottish sweetheart. One who was handsome and honorable and devoted to her, but conveniently never around. Maddie poured her heart into writing the imaginary Captain MacKenzie letter after letter … and by pretending to be devastated when he was (not really) killed in battle, she managed to avoid the pressures of London society entirely.
Until years later, when this kilted Highland lover of her imaginings shows up in the flesh. The real Captain Logan MacKenzie arrives on her doorstep—handsome as anything, but not entirely honorable. He’s wounded, jaded, in possession of her letters… and ready to make good on every promise Maddie never expected to keep.

add to goodreads

Opinião:

O primeiro livro que li da Tessa Dare e tadah! ele conseguiu quebrar a maldição que se apoderou da minha relação com o romance histórico recentemente. Acontece que as minhas últimas leituras dentro do género não me agradaram nada e andava um bocadinho farta, e foi então que decidi que o melhor remédio era pegar noutro romance histórico e o When a Scot Ties the Knot estava mesmo ali à mão. A minha lógica acabou por funcionar porque gostei tanto do que li que fui logo a correr encomendar outro livro da autora.

A heroína desta história, Maddie, é uma nerd muito tímida e introvertida com resmas de talento para o desenho, especificamente para a ilustração científica, que sofre de ataques de ansiedade e de pânico quando está em público e por causa disso não quer participar da Season e ter que lidar com pessoas (taaaão relatable), e é então que ela inventa um noivo escocês, Captain Logan MacKenzie, que convenientemente está longe, de serviço, durante anos e anos, mas com quem ela “troca correspondência” regularmente.

O problema é que existe mesmo um Captain Logan MacKenzie no exército e a Maddie passa anos a enviar de facto as cartas, pensando que elas acabam num canto escuro algures por abrir, mas ha! o Logan leu tudo e sabe de tudo e certo dia aparece-lhe à porta sem as melhores das intenções. Acho que é fácil imaginar o choque da Maddie e a minha risota.

Gostei muito da maneira como a relação dos dois avança ao longo da história, a Maddie precisa de tempo para se habituar à ideia de que aquele homem existe e está ali tão perto, e mesmo com o Logan a inicialmente ser um precipitado do caraças, acaba por não ser um brutamontes e a respeitar as vontades dela (yay! not a jerk!). Os romances que ficam ali no banho-maria a aquecer, a amolecer, a derreter, lentamente, sem pressas, até chegar ao ponto certo são os meus favoritos, então quando isto é combinado com cenas e diálogos cómicos é a cereja no topo do bolo—tudo coisas em abundância neste livro. Desde as próprias peripécias entre a Maddie e o Logan, até às pet lobsters (yep, pet lobsters) Fluffy e Rex, com quem a Maddie desabafa tantas vezes, passando ali pelo bando de soldados que anda atrás do Logan, quais cãozinhos abandonados, e que me proporcionaram tantas gargalhadas sempre que tentam dar-lhe conselhos para conquistar a Maddie. Que cromos adoráveis, a sério. Gostava que pelo menos um deles tivesse direito ao seu próprio livro.

Também gostei que a Maddie embora fosse uma donzela tímida e practicamente uma reclusa, não fosse uma ignorante total em assuntos que normalmente as heroínas deste tipo de cenário são. Surpreendeu-me, fez-me sorrir de aprovação e levou uns quantos “you go girl”. Dito isto, confesso que o Logan também me surpreendeu pela positiva com umas revelações das quais eu não estava nada à espera, uma em particular que gostava tanto de falar sobre mas acho que é spoiler e não devo… mas… posso pôr o texto a branco para quem estiver curioso, cá vai: ele foi sempre fiel à amada fictícia, OMG! Nem queria acreditar quando li que ele se manteve ali no celibato durante quase 10 anos, aaaah! Isto é tão anormal, mas tão bem-vindo, no romance histórico que eu fiquei parva para a minha vida. Honestamente irrita-me quando praticamente todos os heróis do género são grandes rakes e manwhores que têm amantes atrás de amantes e fazem da conquista de mulheres um desporto. E tudo porque são homens e um homem precisa de sexo tal como precisa de ar para sobreviver, ugh, vómito. Pois bem, aqui está o Logan a apresentar os recibos. *fim de spoiler a branco*

Claro que há um ou outro cliché aqui e ali, e não vou dizer que esta foi uma leitura fora de série, totalmente espectacular tipo The Viscount Who Loved Me ou Romancing Mr Bridgerton, porque não foi, mas foi tão agradável e divertida, que mesmo não sendo perfeita, não consigo apontar-lhe um único defeito que me manche a opinião.

Em suma, um romance muito light e adorável, fofinho mesmo, com personagens que vale a pena conhecer, e um percurso com obstáculos mas sem grandes dramas ou angst em demasia—tudo o que eu estava a precisar no momento. Sem dúvida que recomendo para quem aprecia o género.

4stars

EN | Goodreads | The Book Depository | WOOK

* * *

a-prometida-do-capitao


cover-reveal-banner

Esta é oficialmente a semana das novidades The Lunar Chronicles, depois da Cover Reveal da primeira novela gráfica da série, Wires and Nerve, chega agora a capa do coloring book que tem publicação prevista para Dezembro deste ano, e que giro que ele é, embora eu preferisse ver personagens em vez de edíficios (WOLF! WOLF! WOLF!), percebo a escolha.

the-lunar-chronicles-coloring-book-9781250123602

add to goodreads
 
Título: The Lunar Chronicles Coloring Book
Série: The Lunar Chronicles, #4.6
Autor: Marissa Meyer
Editora: Feiwel & Friends
Páginas: 96
Publicação: 06 Dezembro, 2016
Formato: Paperback
ISBN: 9781250123602
Idioma: Inglês

BuyFrom_purple_delivery

* * *


english-post* * *

boutofbooks17
Participant: jen7waters
 

The Bout of Books read-a-thon is organized by Amanda @On a Book Bender and Kelly @Reading the Paranormal. It is a week long read-a-thon that begins 12:01am Monday, August 22nd and runs through Sunday, August 28th in whatever time zone you are in. Bout of Books is low-pressure. There are challenges, giveaways, and a grand prize, but all of these are completely optional. For all Bout of Books 17 information and updates, be sure to visit the Bout of Books blog. ~ From the Bout of Books team

Here’s my sign up post for the upcoming Bout of Books 17, woohoo!

gabby-tmfu-dance

Bout 17 will run from August 22nd to August 28th. Feel like signing up too? Go here.


bargain-do-dia

Hoje no BaD, três bargains para quem ainda não leu os Hunger Games, ou para quem até já leu mas quer estas edições paperback todas catitas que saíram no ano passado.

hunger-games-trilogia-bargain

In the ruins of a place once known as North America lies the nation of Panem, the shining Capitol surrounded by twelve outlying districts. The Capitol is harsh and keeps the districts in line by forcing them all to send one boy and one girl between the ages of twelve and eighteen to participate in the annual Hunger Games, a fight to the death on live TV.

Sixteen-year-old Katniss Everdeen regards it as a death sentence when she steps forward to take her sister’s place in the Games. But Katniss has been close to dead before– and survival, for her, is second nature. Without really meaning to, she becomes a contender. But if she is to win, she will have to start making choices that weigh survival against humanity and life against love.

The Hunger Games | Catching Fire | Mockingjay

cover-reveal-bannerOh meu Deus, it’s real! Aqui está a capa do Wires and Nerve! 😀

Mais um sneak peek!

wires-and-nerve

Título: Wires and Nerve
Série: The Lunar Chronicles #4.1
Autor: Marissa Meyer
Editora: Feiwel & Friends
Páginas: 208
Publicação: 31 Janeiro, 2017
Formato: Hardback
ISBN: 9781250078261
Idioma: Inglês

add to goodreads

Sinopse: In her first graphic novel, bestselling author Marissa Meyer extends the world of the Lunar Chronicles with a brand-new, action-packed story about Iko, the android with a heart of (mechanized) gold.

When rogue packs of wolf-hybrid soldiers threaten the tenuous peace alliance between Earth and Luna, Iko takes it upon herself to hunt down the soldiers’ leader. She is soon working with a handsome royal guard who forces her to question everything she knows about love, loyalty, and her own humanity. With appearances by Cinder and the rest of the Rampion crew, this is a must-have for fans of the bestselling series.

BuyFrom_purple_delivery

Adoro! A Iko é tão linda. E ainda por cima usa um red hood para ir caçar big bad wolves, hehe. Só a Iko mesmo.




Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 958 outros seguidores

%d bloggers like this: