[Opinião] Neanderthal Seeks Human & Neanderthal Marries Human

23Jun15
neanderthal-seeks-humanAutor: Penny Reid
Série: Knitting in the City, #1
Editora: Caped Publishing
Publicado: Março, 2013 
Formato: ebook
Páginas: 394
Idioma: Inglês

Sinopse: There are three things you need to know about Janie Morris: 1) She is incapable of engaging in a conversation without volunteering TMTI (Too Much Trivial Information), especially when she is unnerved, 2) No one unnerves her more than Quinn Sullivan, and 3) She doesn’t know how to knit.
After losing her boyfriend, apartment, and job in the same day, Janie Morris can’t help wondering what new torment fate has in store. To her utter mortification, Quinn Sullivan—aka Sir McHotpants—witnesses it all then keeps turning up like a pair of shoes you lust after but can’t afford. The last thing she expects is for Quinn- the focus of her slightly, albeit harmless, stalkerish tendencies- to make her an offer she can’t refuse.

Opinião:

* * * Sem triângulo amoroso * * *

Estou tão feliz por ter encontrado esta autora, ainda por cima aconteceu assim um bocado por acaso—vi no Goodreads que alguém a tinha recomendado, nomeadamente estes dois livros da série Knitting in the City, para quem gosta de romance contemporâneo com humor e protagonistas nerds, e fiquei logo em estado de alerta; e depois quando fui procurar o título na Amazon, a versão kindle estava a custo zero—um claro sinal de que os planetas se estavam a alinhar para eu ler a coisa.

Amei a protagonista, Janie, que é tão cómica e deliciosamente awkward, e como a recomendação prometia, uma grande nerd mas sem ser cliché. Ela é obcecada por armazenar informação no seu gigante cérebro que anda sempre a mil, e como tal lê de tudo, desde os estudos científicos mais enfadonhos, às trivialidades de todo o género, coisas que ela depois desbobina a torto e a direito, sobretudo quando está nervosa/o McHotpants lhe aparece à frente—ri-me tanto. O encanto desta personagem é que ela não faz isto para dar nas vistas ou mostrar que sabe mais do que os outros, aliás, ela tem perfeita noção de que é estranha e que afugenta as pessoas mal começa a falar, e está constantemente a tentar conter-se, o que pouco ou nada funciona porque aquilo sai-lhe naturalmente.

Este livro começa com a Janie a ter um péssimo, péssimo dia—ela foi despedida depois de umas horas antes ter acabado com o namorado de cinco anos porque descobriu que ele a traiu, e como o apartamento que eles partilhavam é dele, ela de momento também está homeless. Esta sucessão de desgraças pareceu-me excessiva, mas surpreendentemente há uma explicação lógica que não só liga estes acontecimentos mas também explica porque é que tudo isto acontece no mesmo dia. A única coisa que anima a Janie um bocadinho neste momento difícil é o Sir McHotpants, o segurança jeitoso lá do prédio que ela costuma observar à distância e que a deixa com calores.

Honestamente, pensei que este livro ia ser uma comédia romântica super light, do género: heroína socially awkward ultrapassa todos os obstáculos iniciais, conquista a sua crush contra todas as probabilidades, e acaba numa melhor situação do que a que tinha começado. Não estava totalmente errada, mas por outro lado esta história é muito mais complexa do que isso, assim como estas personagens têm muito mais profundidade do que o que eu estava à espera, camadas sobre camadas para ir levantando e descobrindo aos bocadinhos.

Algo que a autora faz muito bem é balançar todos os pontos desta história, quero com isto dizer que ela nunca exagera no que está a fazer e dá à narrativa iguais partes de humor e loucura, situações mais sérias e angustiantes, sempre com o percurso da Janie e o romance semi-slow burn no centro das coisas. Mas o que gostei acima de tudo foi da escrita, OMD, a Penny Reid é genial, e claro, da voz da Janie que é sempre tão sincera, cómica, e adorável em todos os sentidos.

O único problema deste livro é que a certa altura acaba, e não chega, tive de começar imediatamente o Neanderthal Marries Human para mais Janie&Quinn goodness. 

4stars

Goodreads | Amazon

neanderthal-marries-humanAutor: Penny Reid
Série: Knitting in the City, #1.5
Editora: Caped Publishing
Publicado: Junho, 2014
Formato: ebook
Páginas: 417
Idioma: Inglês

Sinopse: There are three things you should know about Quinn Sullivan: 1) He is madly in love with Janie Morris, 2) He’s not above playing dirty to get what (or who) he wants, and 3) He doesn’t know how to knit.
After just five months of dating Janie, Quinn—former Wendell and unapologetic autocrat—is ready to propose marriage. In fact, he’s more than ready. If it were up to Quinn, he would efficiently propose, marry, and beget Janie with child all in the same day—thereby avoiding the drama and angst that accompanies the four stages of pre-matrimony: engagement, meeting the parents, bachelor/bachelorette party, and overblown, superfluous wedding day traditions. But Janie, much to Quinn’s dismay, tosses a wrench in his efficacious endeavors and challenges him to prove his devotion by going through the matrimonial motions, no matter how minute and mundane.
Will Quinn last until the wedding day? Or will he yield to his tyrant impulses?
Regardless, one thing is for certain, Quinn Sullivan will have to learn to expect the Spanish Inquisition (i.e. the unexpected) if he plans to have and keep Janie Morris as his wife.

Opinião:

Esta sequela passa-se alguns meses depois do primeiro livro e trata de narrar todo o percurso da Janie e do Quinn desde que ele decide pedi-la em casamento sem ela estar à espera, e porque a Janie é a Janie, ele não vai ter a vida muito facilitada—mais uma vez: ri-me tanto.

Em comparação com o primeiro livro, o Marries tem duas diferenças cruciais—primeiro, é contado alternadamente do ponto de vista da Janie e do ponto de vista do Quinn, enquanto que o Seeks só tem o POV da Janie; e segundo, as cenas steamy são em maior número e muito mais descritivas, embora não cheguem ao nível de pormenor de uma Kleypas, por exemplo.

Este livro também é mais emocionante e intenso, não só a nível do romance, mas no que diz respeito às amizades e às relações familiares quer do Quinn, quer da Janie. Mais do que uma vez dei por mim a fungar e a limpar a lagrimita do canto do olho.

Na opinião do primeiro livro nem cheguei a falar muito no grupo de tricô e das amigas da Janie, elas são todas tão maravilhosas e umas grandes malucas—no bom sentido, e mais uma vez espantei-me com a autora e como ela consegue dar personalidades tão diferentes a cada uma das personagens, sendo que o grupo ainda é numeroso (são prai umas 6 ou 7). A Janie pode não ter uma família biológica que se importe muito com ela, mas sem dúvida que tem uma família com laços bem mais fortes do que o sangue neste grupo de mulheres.

Acabei por não falar muito acerca do Quinn ou do romance, e como este post já vai para lá de longo vou só dizer que achei incrível como, mesmo depois da Janie e do Quinn já terem passado a fase da conquista, que normalmente é a parte que mais me interessa ler, a autora conseguiu manter-me num permanente estado de borboletas no estômago.

Recomendo, sem reservas, a fãs de romance.

Nota: O Neanderthal Marries Human é a sequela da história da Janie e do Quinn, e embora seja o volume 1.5 da série Knitting in the City, não é uma novella. O que se passa é que os volumes 2, 3, etc, têm as amigas da Janie, do grupo de tricô, como protagonistas.

4stars
GoodreadsAmazon | The Book Depository
Anúncios


2 Responses to “[Opinião] Neanderthal Seeks Human & Neanderthal Marries Human”


  1. 1 In My Mailbox (171) | Cuidado com o Dálmata
  2. 2 Favoritos 2015 | Cuidado com o Dálmata

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: