[Opinião] Woven

20Mar15
wovenAutor: Michael Jensen & David Powers King
Editora: Scholastic Press
Publicação: Janeiro, 2015
Formato: ebook
Páginas: 352
Idioma: Inglês

Sinopse: All his life, Nels has wanted to be a knight of the kingdom of Avërand. Tall and strong, and with a knack for helping those in need, the people of his sleepy little village have even taken to calling him the Knight of Cobblestown.
But that was before Nels died, murdered outside his home by a mysterious figure.
Now the young hero has awoken as a ghost, invisible to all around him save one person—his only hope for understanding what happened to him—the kingdom’s heir, Princess Tyra. At first the spoiled royal wants nothing to do with Nels, but as the mystery of his death unravels, the two find themselves linked by a secret, and an enemy who could be hiding behind any face.
Nels and Tyra have no choice but to abscond from the castle, charting a hidden world of tangled magic and forlorn phantoms. They must seek out an ancient needle with the power to mend what has been torn, and they have to move fast. Because soon Nels will disappear forever.

add to goodreads

Opinião:

DNF.

Woven conta a história de um jovem camponês, Nels, que morre logo quase no início do livro (isto não é um spoiler, está na sinopse), mas o espírito dele ainda vagueia por aí, até que um dia ele descobre que alguém o consegue ver e ouvir, alguém com quem ele já se cruzou antes e o humilhou à frente de todos: Tyra, a extremamente arrogante e mimada princesa do reino. Contra a sua vontade, e principalmente para se livrar dele, ela lá aceita ajudar Nels a descobrir o que lhe aconteceu, e os dois partem numa jornada em busca de respostas.

Os positivos: Gostei bastante do Nels quando ele não está a fazer olhinhos à Tyra, e da ideia da história no geral, achei o plot bastante criativo e original, quase como se fosse um fairy tale dos tempos modernos. Os autores conseguiram surpreender-me várias vezes ao longo da narrativa—quando eu achava que já sabia a resposta para um determinado mistério, eles conseguiam dar-me a volta, e gosto sempre quando isso acontece.

Os negativos: A Tyra é das personagens mais insuportáveis que já tive o desprazer de ler sobre, ao ponto de me estragar totalmente a leitura, e de eu ter mesmo desistido do livro a cerca de 100 páginas do fim. Não há paciência! É tão, tão desagradável, o tempo todo, está sempre a queixar-se, é incapaz de chamar o Nels pelo nome, chama-o de peasant ou ghost, porque acha que ele tem de merecer ser chamado pelo próprio nome por ela—ora essa! Eu ainda achei que isto era só uma coisa inicial, que ela ao longo da história ia mudar um bocadinho, e que eu ia conseguir gostar minimamente dela, mas credo, a 100 páginas do fim e ela estava ainda mais chata. Pior do que isto, é ter o Nels a apaixonar-se por ela, quando ela o trata abaixo de cão o tempo todo. Como é possível??

Entretanto li algumas reviews para o Woven, e pelos vistos a Tyra muda de atitude mesmo na recta final, e honestamente nem sei o que é pior, ter uma heroína que se comporta de maneira desprezível de início ao fim—mas que pelo menos é consistente, ou ter uma heroína que se comporta de maneira desprezível até aos 99% da leitura e depois tadah! De súbito passa a ser boazinha. Nope, isto para mim não dá.

2stars

EN | GoodreadsThe Book Depository
Advertisements


One Response to “[Opinião] Woven”


  1. 1 Wrap-up dos desafios de leitura 2015 | Cuidado com o Dálmata

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: