Losing Lila

13Jan13
losing-lilaAutor: Sarah Alderson
Série: Lila, #2
Editora: Simon & Schuster (Ago 2012)
Formato: Paperback
Páginas: 322
Idioma: Inglês

Sinopse: Alex and Lila are on the run, desperately trying to stay one step ahead of the Unit, which is somehow tracking their every move. While Alex is determined to keep Lila safe and her ability secret at any cost, Lila’s only thought is of finding a way back to California so she can rescue her brother and mother from the military base where they’re being held. Struggling to control both her growing power and her deepening feelings for Alex, Lila decides the time has finally come to stop running and start fighting. Together with Alex, Demos, and the others she’s come to think of as family, Lila plans not only to save her brother and mum, but also to completely destroy the Unit and everything it stands for. But the plan requires Lila to return to California alone, and to make friends with the enemy – and in doing so, she risks losing everything: Alex, her family… even her life.

Opinião:

*Alerta spoilers*

Damn, este decepcionou-me, e por isso de momento estou zangada com a Sarah Alderson. Umph. (u__u) Era o dever dela escrever um segundo livro tão bom como o primeiro, e o meu direito lê-lo, e ficar toda contente—deixa-me um sabor amargo na boca que tal não tenha acontecido.

A história é retomada pouco após os eventos finais do primeiro livro, o que quer dizer que a Lila e o Alex andam foragidos, e a planear deitar a Unit abaixo. Tal como no Hunting Lila, a narração continua interessante, e cenas de acção não faltam, mas a meu ver este não foi tão aliciante como o primeiro—houve alturas que lia duas páginas e aborrecia-me—e quando terminei fiquei com aquela sensação de alívio por não ter que prolongar o meu desconforto.

Uma coisa que me chateou imenso, e que ajudou ao meu desânimo, foi aquele drama totalmente descabido entre a Lila e o Alex—quer dizer, eles passam por tanto juntos, fazem juras de amor diariamente, e de súbito OH NOES! HE DOESN’T LOVE ME ANYMORE! E ele nem faz nada para esclarecer o mal entendido? WTF?? Eu percebi onde a autora quis chegar, afinal o casal teve um “final” feliz no primeiro livro, e neste eles andavam numa espécie de lua-de-mel desde o início, por isso ela achou que devia fazer uma maldadezita e separá-los, só para os juntar meia dúzia de páginas mais à frente. Bem, a maneira como a coisa se desenrola não teve pés nem cabeça, e custou-me várias reviradelas de olhos.

Gostava de ter apreciado muito mais a situação do salvamento da mãe Lila, no entanto toda a cena tem tão pouco tempo de antena que não consegui. Que o Demos era pai do Jack já eu suspeitava (okay, os poderes dele foram uma surpresa), e por favor, era óbvio que a namorada não era boa peça, a gaja era boazinha e perfeita demais, e toda a gente sabe que pessoas aparentemente sem um único defeito acabam sempre por ser psicopatas. Sempre.

Não lhe vou dar classificação negativa, também não é caso para isso, mas sem dúvida que me desiludiu bastante e se conseguir vou fazer de conta que nem o li—ou pelo menos tentar esquecer as partes que me chatearam, de maneira a que a memória do primeiro livro não seja manchada por esta sequela.

Classificação: 5/10

EN ǀ Goodreads ǀ The Book Depository UK ǀ The Book Depository.com
 


No Responses Yet to “Losing Lila”

  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: