Days of Blood and Starlight

15Dez12
days-of-blood-and-starlightAutor: Laini Taylor
Série: Daughter of Smoke and Bone, #2
Editora: Little Brown
Publicação: Novembro,  2012
Formato: Hardcover
Páginas: 528
Idioma: Inglês

Sinopse: Once upon a time, an angel and a devil fell in love and dared to imagine a world free of bloodshed and war.
This is not that world.

Art student and monster’s apprentice Karou finally has the answers she has always sought. She knows who she is—and what she is. But with this knowledge comes another truth she would give anything to undo: She loved the enemy and he betrayed her, and a world suffered for it.
In this stunning sequel to the highly acclaimed Daughter of Smoke & Bone, Karou must decide how far she’ll go to avenge her people. Filled with heartbreak and beauty, secrets and impossible choices, Days of Blood & Starlight finds Karou and Akiva on opposing sides as an age-old war stirs back to life.
While Karou and her allies build a monstrous army in a land of dust and starlight, Akiva wages a different sort of battle: a battle for redemption. For hope.
But can any hope be salvaged from the ashes of their broken dream?

Opinião:

Sweet baby Jesus nas palhinhas deitado, realmente a Laini não estava a brincar quando deu o título Days of Blood and blabla a este livro, aliás, para além destas cores figurarem na capa ela devia ter convencido a editora a imprimir o texto interior a vermelho—a representar o sangue, claro—, sobre páginas negras—a antecipar o estado de espírito dos leitores—, porque se há constantes nesta narrativa, sem dúvida que são a chacina disparatada e a angústia extrema. Taaaaão emo. Já não me lembrava de um livro tão deprimente prai desde… desde… o Insurgent? É capaz. Se bem que são deprimentes diferentes—este não meteu nojo, só me deu vontade de fazer assim uns cortes ao de leve nos pulsos.

E graças ao divino que no meio de tanta agonia existe o casal Zuzana e Mik, o oposto exacto da Karou, do Akiva, e de toda a colectânea de drama, tragédia, vingança cega, rancor sem limites, mal-entendidos, e incapacidade de comunicar com o outro no geral, que é a história deles—nem quero imaginar como seria esta série sem estas duas personagens secundárias absolutamente adoráveis capazes de me fazer sorrir entre uma cena de desmembramento e uma tentativa de violação. Nem quero imaginar.

Tal como o Daughter of Smoke and Bone, este segundo volume da série é extremamente rico, denso em pormenores, e acima de tudo imaginativo—a autora descreve aquele mundo e conta factos da sua história ao longo dos tempos com tanta naturalidade, que é como se estivesse a contar factos históricos reais, e não a inventar coisas da sua cabeça. É verdadeiramente notável.

Todo o livro é um campo de batalha onde num lado estão os chimera e noutro os anjos, o que quer dizer que a Karou e o Akiva também estão em lados diferentes do conflito, e a história resume-se a eles passarem o tempo todo miseráveis enquanto que gente de ambas as espécies morre à volta deles. Do lado dos chimera a Karou *spoiler a branco* é a nova resurrectionist, e tem de levar com o White Wolf a dizer-lhe como é que quer os soldados; do lado dos anjos o Akiva não é o único que está farto da guerra sem sentido, para além de que há um novo inimigo à espreita de toda a gente.

No geral este foi uma excelente adição à série, por muito que seja angustiante também não vejo como poderia ter sido de outra forma, aliás, pensar no que estava por vir foi a pior parte do primeiro livro—entenda-se que foi como se uma bomba pela qual ninguém estivesse à espera tivesse explodido no fim do Daughter of Smoke and Bone, o que sentenciou o Days of Blood and Starlight a ser o caos que se segue a uma situação destas. O que é que aconteceu? Porquê? Quem são os responsáveis por isto? Espera, não queremos saber, só queremos vingança, vingança sangrenta! AO ATAQUE! E só 528 páginas depois é que alguém ganha algum juízo.

Confesso que estava mentalmente exausta quando fechei a contra-capa (tive de ir dar uma valente trinca à barra de 300g de chocolate Milka… oh wait, fiz isso durante toda a leitura deste livro), mas ao mesmo tempo feliz e esperançosa porque fiquei com a impressão, repito fiquei com a impressão, de que o pior já tinha passado, e que depois deste mais nenhum livro da série poderia vir a ser tão dark.

Por um lado a espera pelo volume #3 vai ser árdua, mas por outro, no meu caso, este intervalo gigantesco até é necessário uma vez que por muito que ache a Laini Taylor brilhante, também a acho uma autora difícil de digerir (isto pode não parecer mas é um elogio). Óbvio que recomendo, mais ninguém escreve fantasia-romance paranormal-young-adult como esta autora.

5stars

EN ǀ Goodreads ǀ The Book Depository.com


9 Responses to “Days of Blood and Starlight”

  1. 3 p7

    Estou extremamente zangada com o meu blogroll. Perdi este post! :O Ainda por cima esta opinião…

    Vês, apesar de todo o drama, não foi assim tão mau, pois não?😛 Mesmo com toda a tragédia, as situações de vida ou morte, a culpa, a auto-flagelação, a Laini consegue arrastar-nos para esta autêntica tragédia grega e ainda pedimos por mais. xD Thank God pela Zuzana, aquela miúda é um pequeno furacão, e ela e o Mik são adoráveis. Sempre quero ver as outras tarefas dele…

    O fim deixa-nos esperançosas, não é? Ter a Karou e o Akiva a babar um para o outro.😛 Mas não partilho exactamente da tua opinião de já ter passado o pior, tenho receio de ainda irmos ver mais sangue. Com esta autora, nada é garantido e nunca vai pelo caminho óbvio, por isso sabe-se lá, ainda morrem todos.😥

    A espera vai ser mesmo árdua e longa, acho que ela já confirmou que o terceiro ia ser para inícios de 2014…:/

    • Tadito so blogroll, sabes como é, cheira-lhe a Natal e ele distrai-se. :p

      Estava sempre à espera que chegasse um capítulo da Zuzana e do Mik para aliviar a tensão de tudo o resto. Eles são amorosos! Oh, sim, as tarefas, too cute. xD

      Ai nem digas, nem digas que ainda vem pior, nem consigo imaginar… como os outros dois já foram à vida, e agora os anjos e os chimera se aliaram, fiquei com a impressão que o próximo livro poderia ser um bocadinho melhor, pelo menos já não vão andar à vez a matar inocentes, agora têm um inimigo em comum que merece ser parado, só isso já me anima. \o/

      Li algumas reviews de gente que depois deste estão super pessimistas acerca do fim da série—acham isso mesmo, que podem morrer todos, ou então que mesmo que sobrevivam, não estão a ver a Karou e o Akiva a perdoarem-se, mas eu sinceramente não acredito, acho que toda a série se tornaria pointless se no fim não houvesse um final moderadamente feliz. #EuAcredito

      • 5 p7

        Eu quero muito que a Karou e o Akiva acabem juntos, mas estou com dificuldade em visualizar um final feliz e lamechas, que não parece ser o estilo da autora. O género dela é mais bittersweet, um daqueles finais felizes suados, ou seja, “felizes por agora, e alguém pagou o preço para nós estarmos felizes”. O que me leva a pensar que mais personagens do elenco principal vai morrer, a guerra vai ser terrível, etc. Sinto-me optipessimista, espero pelo melhor, mas estou a preparar o meu coraçãozinho frágil para o pior.😛

      • Um felizes para sempre sem mazelas é impossível, mas acredito que eles vão acabar por se perdoar e acabar juntos. Afinal qual seria a graça de sobreviverem a tanta cena marada (no caso da Karou morrer e ressuscitar!!), sofrerem tanto e durante tanto tempo, e não acabarem juntos? Ia ser muito idiota, já para não falar que iam ser miseráveis para o resto da vida. A autora seria muito cruel se matasse um dos dois (ou os dois)… nem quero pensar. O_O

        As histórias e finais “bittersweet”, como dizes, são os meus preferidos, tudo começou porque a Juliet faz sempre isso. :p MAS, preciso do casal junto no fim. Até pode ter acontecido algo que lhes roube assim uns 10% da felicidade, mas os 90% já me chegam.


  1. 1 As Escolhas do Dálmata 2012 | Cuidado com o Dálmata

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: