A Night Like This

22Jun12
Autor: Julia Quinn
Série: Smythe-Smith Quartet, #2
Editora: Avon (2012)
Formato: Paperback
Páginas: 373
Idioma: Inglês

Sinopse: Anne Wynter might not be who she says she is…

But she’s managing quite well as a governess to three highborn young ladies. Her job can be a challenge—in a single week she finds herself hiding in a closet full of tubas, playing an evil queen in a play that might be a tragedy (or might be a comedy—no one is sure), and tending to the wounds of the oh-so-dashing Earl of Winstead. After years of dodging unwanted advances, he’s the first man who has truly tempted her, and it’s getting harder and harder to remind herself that a governess has no business flirting with a nobleman.

Daniel Smythe-Smith Might be in mortal danger…

But that’s not going to stop the young earl from falling in love. And when he spies a mysterious woman at his family’s annual musicale, he vows to pursue her, even if that means spending his days with a ten-year-old who thinks she’s a unicorn. But Daniel has an enemy, one who has vowed to see him dead. And when Anne is thrown into peril, he will stop at nothing to ensure their happy ending…

Opinião:

Volume dois da série Smythe-Smith Quartet, depois do Just Like Heaven, que saiu no ano passado, e livro pelo qual esperei ansiosamente.

E que me resta dizer de Julia Quinn que já não repeti sei lá quantas vezes antes?

*silêncio*

Exactamente! Não há nada de novo a dizer. Ela é sempre igual a si própria e as folhas voam, divertem, fazem rir, fazem chorar, fazem suspirar, fazem desesperar por mais. Óbvio que esta série não é os Bridgertons, e nem vale a pena esperar que algum dia outra série/livro da autora o venha a ser, mas ainda assim, acho que os Smythe-Smith têm mérito próprio, e mais uma vez achei este um livro fofinho, com personagens fáceis de uma pessoa se identificar, e de simpatizar fervorosamente com.

Confesso que gostei mais desta história e deste casal, relativamente ao livro anterior, sobretudo porque quer o herói, Daniel, quer a heroína, Anne, têm ambos passados bem mais sofridos, como já se adivinhava pelas breves aparições dos dois no primeiro livro; já para não falar que parece muito mais difícil para eles alcançarem um final feliz—ao contrário dos pombos do Just Like Heaven, Daniel e Anne pertencem a classes sociais diferentes, ele é o earl, ela a governess, e ainda assim os problemas deles não se ficam por aqui.

Foi com surpresa que comecei a ler o A Night Like This e me apercebi de que a história deste casal começa numa cena do Just Like Heaven, e que depois se prolonga para outra bem agitada (há violência entre melhores amigos envolvida—tipo Anthony e Simon no The Duke and I, com punhos furiosos à mistura) e foi engraçado imaginar que nos bastidores de tal reboliço ainda houve tempo para o Daniel encurralar a Anne num canto escuro. Hehe.

Também gostei imenso das personagens secundárias, como já é costume nos livros da JQ, principalmente das miúdas de quem Anne toma conta, que são uma delicia e que me faziam sempre sorrir que nem uma tonta para as páginas. Fora as crianças tenho de destacar ainda o Hugh, que é um dos amigos mais chegados do Daniel e que me deixava sempre de coração apertadinho quando entrava em cena, porque ele tem uma perna atrofiada, que note-se: é resultado de um duelo entre ele e o próprio Daniel (!), e como é sabido personagens com deficiências físicas, cicatrizes, queimaduras, loucuras da mente, e etc, são o meu ponto fraco (I just heart them so much ). Ainda por cima, mal acabei de ler o A Night Like This, fiquei a saber que o próximo livro da série (28 de Maio de 2013!) vai ter exactamente este Hugh aleijado como protagonista—gaaaah. O Hugh e a Sarah. Vou dar em doida com a espera!

E pronto acho que é tudo. Oh wait! Lamento informar que não há cameo do Colin neste… *sad face* pois é, pois é… e eu sempre à espera que ele aparecesse assim de repente para dizer ou fazer qualquer coisa bem ao seu estilo, mas nunca aconteceu. Por outro lado, percebo, porque se pensar nas aparições dele no Just Like Heaven tenho ideia que por altura deste livro ele devia de andar muito ocupado romancing a Miss Featherington—por isso óbvio que não houve tempo para meter o nariz na vida do Daniel e da Anne. Ooooh.

4stars

EN ǀ Goodreads ǀ  The Book Depository


8 Responses to “A Night Like This”

  1. 1 p7

    Em suma, Julia Quinn é… Julia Quinn. *sigh* Não queria avançar já para esta série, mas não me consigo decidir sobre qual das séries mais antigas da Julia é que quero ler primeiro.🙂

    • Indeed. :3

      Pois, não é fácil escolher. Eu por exemplo sempre tive vontade de pegar na Splendid, mas ainda não o fiz. :s

  2. Her books sounds really amazing. I can’t wait to get one🙂. Do you think it is an easy reading in english?

    • Aaaah! You have to read the Bridgertons series!😀 Yes, I think Julia Quinn is an easy read in english, her writing is very accessible, even with all the historical details. If you enjoy historical romance I highly recommend this author!


  1. 1 [Opinião] The Secrets of Sir Richard Kenworthy | Cuidado com o Dálmata

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: