Mini-opiniões: One Night In Scotland, Where Dreams Begin, The Iron Daughter

07Jun12
One Night in Scotland
Série: Hurst Amulet #1
Autor: Karen Hawkins
Editora: Pocket Star (2010)
Páginas: 335
Idioma: Inglês

Opinião: Começou bem, mas depois foi ficando fraquinho, fraquinho, fraquinho, até que se tornou ridículo. O que acontece é que a heroína precisa de ajuda para salvar o irmão e tem de recorrer ali ao tipo da capa, mas ele não se acredita que ela seja quem diz ser e prende-a no quarto da torre. Palavra de honra que não estou a exagerar quando digo que o que acontece a seguir são cenas atrás de cenas do género: ela faz barulho, ele vai até ao quarto, eles discutem um bocadinho, e depois seguem-se os amassos. Próxima cena: repete. E mais nada acontece. MAIS NADA. Tão, tão aborrecido.

Classificação: 3/10

EN ǀ Goodreads ǀ The Book Depository UK ǀ The Book Depository.com

* * *

Where Dreams Begin
Autor: Lisa Kleypas
Editora: Avon Books (2000)
Páginas: 373
Idioma: Inglês

Opinião: Para mim este não está ao nível das Wallflowers, ou dos Hathaways, mas não deixa de ser um livro da LK por isso óbvio que gostei. Desta vez a heroína é Lady Holly, uma jovem viúva da aristocracia, e o herói, Zach Bronson, um tipo muito rico mas sem título ou posição social, que emprega Holly para lhe ensinar boas maneiras, e claro, com o tempo perdem-se de amores um pelo outro, mas alto lá que ela é uma lady e ele um nobody e por isso temos história! Como grande fã de tudo o que seja historical foi muito interessante estar presente nas aulas de etiqueta, acho absolutamente fabuloso que a Lisa saiba aquelas coisas todas e nem consigo imaginar as horas que ela gasta em pesquisa; infelizmente não gostei assim tanto da própria Holly, porque entre outras coisas achei-a um bocadinho parva; do Zach já gostei, assim como da irmã dele que protagoniza um romance secundário que eu gostaria que tivesse o seu próprio livro (e não tem 😦 ). Melhor que esta gente toda junta só a Rose, que é a filha da Holly e do falecido, e que é taaaaão fofa e linda e tudo e tudo e tudo e eu quero-a para mim.

Classificação: 7/10

EN ǀ Goodreads ǀ The Book Depository UK ǀ The Book Depository.com

* * *

The Iron Daughter
Série: The Iron Fey #2
Autor: Julie Kagawa
Editora: Harlequin Teen (2010)
Páginas: 359
Idioma: Inglês

Opinião: *sigh* Grande desilusão este segundo volume da série Iron Fey, depois de ter gostado bastante do primeiro livro, e de nem sequer ter pensado duas vezes para encomendar os restantes. Estava em pulgas para saber o que ia acontecer à Meghan nas mãos da Winter Queen, e por isso ainda me agradou o início, no entanto a história vai indo, vai indo e …TORNA-SE TÃO TÃO CHATA E SOBRETUDO SILLY! Quer dizer, tanto tempo gasto com a makeover da Meghan para, diga-se, NADA, e depois com aquele Prom ridículo (ugh), já para não falar NO TRIÂNGULO AMOROSO DOS INFERNOS que eu juro que já não aguento. Vou ter de excluir o Ironhorse das minhas reclamações, porque neste livro ele tira o lugar ao Grim como a personagem que mais me divertiu. Claro que ainda assim vou ler os  seguintes… #masoquista

Classificação: 5/10

EN ǀ Goodreads ǀ The Book Depository UK ǀ The Book Depository.com


10 Responses to “Mini-opiniões: One Night In Scotland, Where Dreams Begin, The Iron Daughter”

  1. 1 p7

    Detesto dizê-lo, mas… I told you so. 😛 Sobre o The Iron Daughter, isto é. O prom e a quantidade de tempo que a Meg passa a sentir-se deprimida porque o Ash não lhe liga, mais a angst à volta do triângulo amoroso (e que me fez ter pena do Puck, de todas as coisas que podiam acontecer) mataram-me a vontade de continuar por agora. Estou a tentar recarregar essa vontade. 😛 Ei, pode ser que o seguinte seja melhor, e assim sempre és a minha “cobaia”, já que já o tens. 😉

    • Yeah… you told me. *sigh*
      Opa, que cenas mais parvas. É que a do Prom, para além do fato (!!) é parva só por estar lá sequer! Eu nem entendi bem, mas as emoções dos teens iam curar o Ash? … WTF?? A autora queria meter ali um Prom à força mas é. Enfim. Eu quero ler os próximos, mas agora é esperar a ver se acabo de digerir todas as parvoíces deste. O_O

      • 3 p7

        Eu achei que podiam ir a qualquer lado recarregar forças (um concerto, um jogo de futebol, eu sei lá), portanto o Prom foi mesmo para satisfazer a fantasia de alguém. xD Eu já tive mais tempo para digerir as parvoíces, mas mesmo assim… preciso de mais tempo para me mentalizar. 😛

      • Foi totalmente forçado. Gostei muito mais de os ver dançar no baile do primeiro livro.
        Os autores às vezes tornam a nossa vida difícil.. xD

  2. 5 slayra

    Ironhorse ftw!!!! Bem, não sei se diria que o terceiro livro é melhor… para mim são todos parecidos, basicamente o mesmo esquema. O.o

    • Mesmo, ele que foi a melhor personagem de toda a história. A única consistente. TÃO LINDO ELE A FALAR EM CAPS. xD

      Oh dear…

      • 7 slayra

        DE GÉNIO! Devia ter sido ele o protagonista. Horsie…. :/

        Nah, não é assim tão mau. Lê-se bem e tal. 🙂

      • RIP Ironhorse. Se bem que ainda tenho esperança que ele volte. 😦

  3. First person I have seen that desliked Iron Daugther. Anyway, I’m still going to buy the first volume 😀

    http://travelingamongworlds.blogspot.com.br/

    • The first one in the series is lovely, I liked it a lot, that’s why this one disappointed me… I’m still going to read the next ones though. 🙂


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: