O Senhor das Sombras

04Jun10

Autor: G. P. Taylor

Editora: Editorial Presença

Páginas: 264

Idioma: Português

Sinopse: O Senhor das Sombras é já conhecido como o mais sério concorrente de Harry Potter, e foi concebido com o intuito de introduzir «maus» verdadeiramente assustadores na literatura juvenil. O certo é que a adesão dos leitores mais jovens foi imensa e não ficou atrás do entusiasmo que o livro despertou nos adultos. A história passa-se na Inglaterra setecentista, nas minas do Yorkshire, um ambiente soturno e tão agreste como a própria Natureza. Aí dominam os que não têm escrúpulos e, acima de todos, Obadiah Demurral, padre corrupto e cruel que não olha a meios para atingir os seus fins. Iniciado nas artes da magia negra, serve-se da sua capacidade de convocar os mortos e seres das sombras para alcançar o maior poder do Universo, colocando-se no lugar de Deus. Como opositores tem apenas três adolescentes, dois órfãos deserdados pela crueldade do Senhor das Sombras, e Raphah, um jovem africano, guardião de um tesouro sagrado que o mago cobiça. Combatem-no com a força da generosidade, cientes de que além do Mal existe um poder maior…

Opinião:

Eu não acabei este livro, ou melhor, não avancei mais do que umas 50 páginas, e mesmo tendo sido já há algum tempo, posso dizer com absoluta certeza de que foram das 50 páginas mais aborrecidas da minha vida. Para além do tédio, nada mais me vem à memória acerca deste Shadowmancer do que miúdos a correr de um lado para o outro sei lá eu com que propósito. Quem comparou isto a Harry Potter claramente não tomou a medicação nesse dia.

Classificação: 1/10



2 Responses to “O Senhor das Sombras”

  1. 1 quigui

    Concordo plenamente. Eu que fiz o esforço tremendo de ler o livro até ao fim posso dizer que não há muito mais do que os miúdos a correr de um lado para o outro e uma tentativa de evangelização e conversão do leitor a uma religião que é um rip-off do cristianismo.

    Agora não sabia que tinha sido comparado ao Harry Potter. Eu peguei no livro porque era supostamente uma grande obra para young adult. Nem uma classificação nem outra se aplicam ao livro.

    BTW, estás on fire hoje. Vem mais outra review?

    • Yep, alguém cometeu a indecência de lhe chamar “concorrente do Harry Potter” for pity’s sake…

      Hoje, acho que não :p


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: